Moradores compram coxinhas e suco de vendedor para fiscalização não apreender

Pílulas Vermelhas

Sabemos que no sistema atual muitas pessoas não conseguem emprego, então partem para serviços informais/descentralizados. Mas o Estado não recebe sua boquinha dessa forma, o que gera ódio nos mafiosos. Sendo assim, colocam fiscais para roubar o trabalho produzido por cidadães de bem.

Desde quarta-feira vem circulando alguns vídeos na internet mostrando um grupo de pessoas agindo de forma rápida para impedir que um ambulante tenha mercadorias levadas por agentes de fiscalização. O que ele vendia? Coxinha e suco. Quanto perigo!

As imagens são de uma praça na cidade de Montes Claros, Norte de Minas, e surpreendem pelo gesto da população: eles se juntam para ajudar o vendedor, comprando todos seus salgados e sucos rapidamente. Em um trecho uma senhora fala: “A  gente só não pode é roubar, mas tem que trabalhar”. Assista ao vídeo:

A boa notícia é que a população apoia esse tipo de trabalho, só os criminosos do estado que odeiam gente honesta trabalhando sem pagar para eles por isso.

O G1 falou com Leonardo, que está desempregado, em sua casa na tarde desta quinta-feira. Ele afirmou que as vendas seriam para comprar um botijão de gás. “Fui somente com a intenção de fazer R$ 100, para comprar o gás e uma feirinha para casa. Com a abordagem dos fiscais, eu comecei a distribuir os salgados e sucos, mas a população não quis e começou a me pagar. Graças a Deus consegui o dinheiro que precisava”, diz, emocionado.

“Se eu tivesse dinheiro, eu teria minha padaria. Como não tenho dinheiro, tenho que ir para a rua e vender meus produtos. Tenho que pagar meu aluguel, tenho minha feira, água, luz. Se eu não pagar, quem vai pagar por mim? Já aconteceu de eu ficar, com minha esposa, até as 2h da manhã produzindo os salgados para poder revender”.

Leonardo voltou da cidade de São Paulo há pouco mais de quatro anos e, até então, não conseguiu um emprego fixo. Ele mora em um barracão alugado com a esposa, e paga R$ 350 por mês. E o estado ainda insiste em prejudicar cada vez mais os pobres e honestos.

Parabéns ao Leonardo pelo trabalho de respeito, siga na luta! Parabéns a população também por ter ajudado. Seguimos em frente contra o abuso estatal!

Fonte: Razões para acreditar, G1.

Gostou? Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *